en

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Retrospectiva 2009 (parte 4)

O último trimestre de 2009 foi o mais cheio de novidades para nós brasileiros. Vamos ver o que aconteceu nesse fim de ano:


• Vários lotes chegaram nas lojas de todo o país para o Dia das Crianças e o Natal. Chegaram também inéditas caixas comemorativas da série Classics e Larry's Garage, com modelos com cores exclusivas e muito limitadas. Apesar do preço elevado, foram vendidas rapidamente.


• Na Convenção de Los Angeles tivemos notícias que muito nos interessam: foram divugadas imagens da miniatura exclusiva da Convenção Brasileira de 2010 de Hot Wheels (mostradas com exclusividade aqui no T-Hunted), e soubemos que teríamos um Red Line Club Brasil.


• Mais entrevistas de colecionadores brasileiros passaram por aqui, como a do Taka, Pedroso, Mauricio Nunes, Moacy e Mario Estivalét.


• Pela primeira vez no Brasil, um veículo de informação entrevistou alguns dos maiores colecionadores do mundo. Todas elas foram ao ar em dezembro exclusivamente aqui no T-Hunted: Mike Zarnock, Robinator e Bruce Pascal.


• A maior novidade para os colecionadores brasileiros foi a criação do RLC Brasil. É o primeiro RLC do mundo fora dos EUA, e vai vender por aqui os mesmos modelos que saírem no RLC EUA em 2010. As vendas dos kits para sócios começaram no meio de dezembro, com uma camiseta, a carteira de sócio, e um Bone Shaker que já havia saído lá nos EUA, tudo embalado em uma bela caixa. Mas infelizmente muitos se frustraram novamente pela venda através de um site confuso, falta de informação, atraso na entrega dos kits e das carteirinhas, que só vieram depois dos kits. Apesar disso, a maioria dos colecionadores ficou satisfeita com o preço das minis e com o que virá em 2010.


• Novos modelos e novas séries para 2010 começaram a ser divulgados por aqui, e deixaram colecionadores felizes ao saber que 2010 será um ano cheio de ótimas miniaturas.


2009 começou muito ruim e acabou até que bem. Não foi um término de ano ótimo como todos queriam, mas muita coisa boa aconteceu. Apesar dos tropeços do RLC brasileiro, as perspectivas são muito boas.


O ano também terminou com modelos da série de 2010 já chegando por aqui, e a série de 2009 quase completa (os lotes R e S que estavam faltando chegarão no começo de 2010). São grandes avanços, mas queremos mais. Sempre.


Não perca na segunda-feira uma matéria especial de começo de ano com as perspectivas para 2010, sobre o que vem por aí e o que deve acontecer no Brasil para os colecionadores.


A todos, um excelente finzinho de 2009 e um maravilhoso 2010!

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Retrospectiva 2009 (parte 3)

Somente no terceiro trimestre de 2009 as coisas começaram a melhorar no mercado brasileiro. Mas ainda assim, pouca gente botava fé na recuperação da Mattel no mercado brasileiro. Vamos ver o que aconteceu:


• Nos dias 18 e 19/07, a tão esperada 2ª Convenção Brasileira de Hot Wheels aconteceu em São Paulo. Um dia antes, o blog T-Hunted descobriu que a miniatura exclusiva da convenção seria uma A-Ok, uma criação de Larry Wood que não agradou a todos nós. Apesar de ser a primeira miniatura exclusiva de um evento brasileiro, a miniatura era apenas uma repintura de um modelo que já havia saido nos EUA. Pelo menos ela tinha uma inscrição na cartela dizendo que era exclusiva do Brasil, e custava apenas R$29,99.


• A 2ª Convenção teve grandes avanços perante a primeira Convenção de 2008. O espaço foi em um local mais acessível (Shopping Eldorado), a entrada foi gratuita, e o próprio Larry Wood estava lá distribuindo autógrafos, sempre simpático. O piloto Chico Serra da equipe Hot Wheels da Stock Car também estava por lá. Para os expositores muita coisa melhorou também, com estacionamento gratuito, vale-refeição e miniatura gratuita, apesar de pouco espaço para expor as minis. Aconteceram algumas confusões, porque colecionadores eram proibidos de vender suas miniaturas, e em certos momentos sairam alguns bate-bocas. Mas certamente foi um evento muito bom.


• Na palestra da Mattel, ouvimos Larry Wood contando suas histórias, e soubemos das estratégias da Mattel para o resto do ano, como as lojas Collectors, e as séries novas que viriam a seguir.


• O site oficial da Mattel para colecionadores de Hot Wheels entrou no ar atrasado, mas entregando o que foi prometido: mostrando novidades e informações para os colecionadores.


• Aos poucos começaram a chegar as séries Dragstrip Demons, Larry's Garage e 100%. A lista de localidades de lojas Collectors desagradou muita gente que mora longe das grandes cidades.


• Em uma entrevista exclusiva com o Marcelo da Semaan, soubemos que a Mattel e a Semaan não estavam se entendendo comercialmente, e isso estava afetando a disponibilidade de produtos na mais importante loja deste hobby em São Paulo.


• Setembro foi um mês de grandes entrevistas no blog, de grandes colecionadores como o Neo, a Mistery e o Marcos Siqueira. Mas a entrevista mais aguardada foi a da Mattel com perguntas feitas pelos colecionadores. Muitas dúvidas foram respondidas. Vale a pena ver de novo e ver o que mudou e o que não mudou.


• Soubemos que teríamos dois carros nacionais na mainline de 2010 da Hot Wheels. O primeiro anunciado foi o VW SP2, e o segundo foi cancelado depois, por motivos de licenciamento.


• Os primeiros modelos de 2010 começaram a aparecer nos EUA, bem como as primeiras fotos das séries de 2010.


As coisas começaram a melhorar no terceiro trimestre, mas ainda tinha um longo caminho pela frente para fazer o colecionador brasileiro ficar feliz.


Amanhã, o último capítulo da retrospectiva de 2009, com muito mais histórias!

Retrospectiva 2009 (parte 2)

Ontem você viu na retrospectiva de 2009, que o ano começou péssimo para o colecionador brasileiro. E ainda viriam mais más notícias. Vamos ver o que aconteceu no segundo trimestre do ano:


• Uma tentativa de entrevistar alguém da Mattel do Brasil acabou em frustração. Mas aí apareceu o Marcelo da loja paulistana Semaan para dar respostas às perguntas que todos queriam fazer. A entrevista foi ao ar em maio, e soubemos que não teríamos mais Matchbox em 2009, e nem a série Classics de 2009. Soubemos também pela primeira vez que teríamos as tais lojas Collectors. Ninguém estava feliz.


• O preço das minis da mainline da Hot Wheels passou de R$4,99 para R$5,99. Tal aumento gerou uma onda de revolta entre os colecionadores, e as vendas despencaram. A culpa, segundo a Mattel, era do dólar alto, mas nessa época do ano, ele já estava baixando.


• Ficamos sabendo também que o tão desejado VW Fastback da série de 2008 não apareceria no Brasil. O lote que continha ele e o Impavido não foi importado, e assim tivemos mais uma decepção com a Mattel. Esse foi o momento em que a raiva contra a Mattel estava em seu pior momento.


• Em meio a tantas más notícias, foi anunciada a 2ª Convenção Nacional de Hot Wheels, com a presença de Larry Wood. Todos estavam céticos quanto ao sucesso do evento. Aos poucos alguns lotes novos de miniaturas começaram a aparecer.


Até o meio deste ano as notícias foram quase sempre péssimas. Mas tudo iria começar a melhorar. Não acredita? Então não perca amanhã a terceira parte da retrospectiva de 2009!

domingo, 27 de dezembro de 2009

Retrospectiva 2009 (parte 1)

Última semana de 2009, e já que todo mundo tem a mania de relembrar os principais fatos do ano, por que não podemos fazer isso também?


Durante essa semana vamos contar um pouco sobre o que aconteceu na vida dos colecionadores de miniaturas, em um ano marcado pela maior crise que o mundo viveu nas últimas décadas, e a recuperação até que rápida da economia. Dividiremos o ano em 4 trimestres, e hoje já vamos relembrar o primeiro trimestre. Vamos lá:


• O ano começou angustiante para os colecionadores de Hot Wheels e Matchbox: as miniaturas chegavam ao Brasil em raros lotes, e aos poucos começamos a ver que não vinham mais Matchbox novos para as lojas. Era comum entrar em qualquer loja e ver sempre os mesmos carrinhos. Certamente foi o pior momento da distribuição da Mattel.


• Outro ponto de tristeza para os colecionadores no começo de 2009, foi o alto valor do dólar comparado ao Real, devido à crise nos EUA. Isso desestimulou as compras através da internet para muitos. Apesar da crise ter passado levemente pelo Brasil, muitos lojistas pararam de comprar novos ítens.


• A crise pegou em cheio a Mattel nos EUA. Os consumidores pararam de comprar carrinhos para os seus filhos, e os colecionadores deram "um tempo" em suas coleções. Houveram demissões na Mattel dos EUA e aqui. Grandes incertezas pairavam no ar. Por outro lado, marcas como Jada e Johnny Lightning começaram a chegar em maior número de modelos no Brasil, importados pela California Toys.


• Em 19 de fevereiro foi ao ar o blog T-Hunted, trazendo informações para os colecionadores brasileiros, tão carentes de miniaturas e de novidades.


• Larry Wood, o maior designer e também o mais antigo da Mattel, anunciou sua aposentadoria, depois de 40 anos de excelentes trabalhos prestados para a Hot Wheels. Foi anunciado também que 2009 seria repleto de homenagens ao Larry, como pudemos comprovar durante este ano.


• No começo do ano tivemos uma queima de estoque de Hot Wheels, com a promoção de 3 miniaturas por R$10,00. Foi um grande sucesso.


Como podemos ver, o começo do ano não foi dos melhores… E as coisas iriam piorar mais ainda. Amanhã tem mais, aguarde!

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

FELIZ NATAL!!!

Este é o primeiro Natal do blog T-Hunted, e essa é a primeira mensagem de Natal dele: Feliz Natal!!!


Eu sei, não foi muito criativo, mas gostaria que vocês soubessem que é de coração. Assim como é de coração o meu mais profundo desejo de que todos tenham muita paz, amor, que perdoem as pessoas que não foram legais com vocês, e que se perdoem também, afinal todos nós erramos. E que sempre possamos aprender com os nossos erros e acertos.


O Natal deve ser comemorado, mesmo se você não tiver dinheiro pra comprar um presente para a pessoa querida, ou preparar uma linda ceia. O Natal é mais do que isso. E se você não sabe o valor desta data, que tal abrir o seu coração HOJE e se deixar sentir toda essa boa energia?


Bom… Espero que todos tenham um ótimo Natal, e que continuem ao meu lado amando este belo hobby. E que através dele, façamos mais amizades, e que libertemos essa criança que existe em todos nós, com muita paz e alegria, sempre.


Feliz Natal!

Douglas Fernandes

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Novidades 23/12

Sim, Papai Noel chegou mais cedo essa semana, e decidiu que o dia de mostrar novidades nesta semana natalina é quarta, e não sexta-feira...


E as novidades são incríveis… Dá uma olhada no que vai chegar nos EUA no começo do ano, e logo depois por aqui. É melhor pedir uma mala de dinheiro de Natal pra poder comprar tantas coisas!


• Fangula, 2009 Corvette StingRay Concept, Back Slider, Ghostbusters Ecto-1 (2010 New Models): o Corvette e o Back Slider já foram mostrados aqui anteriormente, e desta vez aparecem aqui com cores diferentes. O Fangula é mais um daqueles novos modelos que dividem opiniões. Mas o que é esse carro do Ghostbusters??? Ele é simplesmente maravilhoso! É uma réplica do Cadillac modificado do filme, e aparece este ano na mainline pra acabar com o sono de qualquer um…


• Twin Mill III, Dieselboy (2010 Track Stars): modelos de 2010 desenhados para ter a melhor performance nas pistas Hot Wheels.


• '40s Woodie (HW Garage), Ferrari 430 Scuderia (All Stars), Ford Mustang 2+2 Fastback (Faster Than Ever): esses modelos estão na mainline que o mundo todo receberá, mas essas variações de cores só serão vendidas nos supermercados Wal-Mart nos EUA.


• La Fasta (HW Garage), Hummer H2 SUT (HW City Works), F1 Racer (HW Racing): modelos das séries colecionáveis dentro da mainline de 2010. O La Fasta (que é uma réplica do DeTomaso Pantera) e o F1 Racer debutaram em 2009.


• Cadillac LMP (Race World - Speedway), Saleen S7 (Race World - Speedway): esses aparecem na série de modelos de corrida da mainline, e são justamente dois modelos que competem na categoria de corridas American Le Mans no mundo real. A série Race World é dividida em várias "equipes", e cada embalagem tem um tema diferente.


Um Gallardo, duas rodas

A lista de belas miniaturas da Hot Wheels para 2010 é grande, e muitas já estão na mira dos colecionadores brasileiros. Modelos como o Scirocco, Scorcher, DeLorean, Charger Drift e outros são só alguns que já apareceram nos EUA, e já nos deixam com água na boca.


E uma que está próxima de chegar até nós, é o Lamborghini Gallardo, que é uma das 8 miniaturas que homenageiam países que colecionam Hot Wheels (inexplicavelmente, esta Lambo homenageia a Espanha, que nem é o país aonde ela é fabricada… vá entender!). Lembrando que o VW SP2 é o modelo que homenageia o Brasil, mas que ainda não apareceu em nenhum lugar. Essa série especial de homenagens internacionais havia sido anunciada como exclusiva para países fora dos EUA, mas depois a Mattel voltou atrás e anunciou também seu lançamento nos EUA, por pressão dos colecionadores de lá.


O Gallardo nem bem apareceu por lá, e já encontraram uma variação dele. Alguns modelos foram encontrados com rodas 10SP e outros com rodas WSP. Não se tem notícia ainda de que o modelo 10SP (no alto da foto) seja raro. O com rodas WSP (na parte de baixo da foto) é o modelo mais comum.


segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Ferrari 5-pack 2010

Mais um pack de enlouquecer fãs da Ferrari chegou nos EUA. Pelo terceiro ano seguido é editado um pack de 5 modelos Ferraris, variando todos os anos seus carrinhos. O de 2010 vem com estes modelos:


- Ferrari 355 Challenge,


- Ferrari California,


- Ferrari 360 Modena,


- Ferrari 250 GTO,


- Ferrari 612 Scaglietti.


A Scaglietti é inédita, e levanta suspeitas de que estará na mainline de 2010.


Os packs dos anos anteriores não chegaram ao Brasil ainda, aonde certamente fariam muito sucesso. Vamos torcer para que pelo menos este chegue até as nossas lojas.


Na foto, os packs de 2008, 2009 e 2010:


Lote 7

Chegou sábado nas lojas de brinquedos Semaan, o lote 7 (ou 4, como anunciado anteriormente por aqui). O lote vem com miniaturas de 2009 e várias da coleção da Hot Wheels de 2010, entre elas a Dairy Delivery amarela, o '67 Shelby 500, Tooligan, Volkswagen Beetle e o Viper SRT10 ACR.


Este lote já havia chegado no começo do mês de dezembro em lojas espalhadas pelo país, e agora chega em maior número em São Paulo. A Mattel não fará mais entregas de caixas neste ano, portanto caixas novas chegarão às lojas somente nas primeiras semanas de 2010.


Abaixo, fotos do que vem neste lote:



sábado, 19 de dezembro de 2009

Kit RLC chegando aos colecionadores

Neste sábado, vários colecionadores brasileiros que fizeram sua inscrição no RLC Brasil, receberam seus kits de sócios. Mas vários estão preocupados com uma "ausência" no kit: a carteirinha de sócio.


Segundo a Mattel, o processo de produção das carteirinhas é demorado, e se fossem esperar a finalização das mesmas, os kits não chegariam antes do Natal. Segundo um email da Mattel enviado para membros do clube, as carteirinhas serão enviadas pelo correio em até 7 dias.


Nada foi confirmado, mas aparentemente as compras pelo site do RLC só serão liberadas quando as carteirinhas chegarem aos sócios. O link para o site do RLC Brasil está listado nos "Links Favoritos" à direita na tela deste blog (mais para baixo).

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Entrevista: Bruce Pascal


Este americano tem uma coleção diferente de tudo o que você já viu. Ele coleciona apenas protótipos de modelos da Hot Wheels, e modelos raríssimos e valiosíssimos. E um dos modelos de sua coleção é o Hot Wheels mais caro da história: uma Rear Loader Beach Bomb que está à venda aqui por $150 mil dólares!


A história dela já foi mostrada aqui, mas não custa contar de novo: essa Kombi foi feita em 1969 pela Mattel, mas foi logo recusada para entrar em produção por ser estreita demais. Isso fazia com que ela tombasse nas pistas Hot Wheels, e não poderia ser usada nestes brinquedos. A Mattel depois colocou em produção a Side Loader Beach Bomb, que carrega as pranchas de surf nas laterias da Kombi, e não na traseira como neste modelo.


Apenas algumas foram feitas de protótipo. Bruce tem algumas delas, mas a mais cara e rara foi essa que foi feita na cor rosa, e com o chassi definitivo de produção. Com isso se tornou o mais belo modelo raro da Mattel. E quem comprá-la vai para o Guinness Book of Records. Topa?


Para ver a coleção do Bruce, e saber mais sobre ele, vá ao site dele. Ele também é um grande amigo de Mike Zarnock, que gentilmente indicou o Bruce para ser entrevistado aqui. Thanks Mike!



Eu li que você veio de uma família apaixonada por carros. O seu avô tinha uma grande coleção, e o seu pai também era um colecionador. Você pode nos dizer como foi crescer em uma família como essa? Você ainda tem estes ítens de coleção da sua família, incluindo os carros reais?

O meu avô Leo Pascal era o historiador automotivo da biblioteca nacional. Mais como uma brincadeira, alguém deu a ele um carrinho de brinquedo em 1948. Imagine isso: em uma época em que ninguém colecionava carrinhos de brinquedo, ele começou esse passatempo. Podiam ser carrinhos de lata alemães ou carrinhos de borracha americanos da segunda guerra mundial, ele colecionava mais e mais. E então ele expandiu sua coleção para qualquer coisa relacionada a carros, exceto os carros de verdade. Quando ele faleceu no começo da década de 60, meus pais herdaram 10.000 itens.


Meus pais então continuaram a colecionar. Enquanto eu crescia, eu lembro de ir em lojas de carros todos os anos na década de 60 para pegar catálogos e placas. Eles ainda fazem isso hoje, e a coleção está agora com mais de 70.000 ítens!


Foi interessante crescer dessa forma. Imagine jogar ping-pong e ficar se preocupando em não esticar muito o braço para não atingir um brinquedo grande de lata, ou correr de costas e se espatifar em uma estante de vidro com 100 carrinhos.


Nós também crescemos em uma familia de carros também, entre algum elegante carro inglês ou um Buick de 1929. Eu amava aqueles carros antigos naquela época e agora.



Qual é o tamanho da sua coleção atualmente? Você coleciona apenas Hot Wheels? Além dos protótipos e outras raridades, você coleciona modelos "normais" também?

Eu coleciono exclusivamente Hot Wheels da época dos RedLines até os modelos do começo da década de 80. O tamanho total da coleção é de uns 5 mil carros e mais de 500 ítens originais em papel. Os ítens em papel vão desde pinturas originais do Otto Kuhni, o famoso ilustrador da Mattel, aos desenhos originais de Hot Wheels, e pinturas originais a óleo que foram usadas em posters da década de 70.


Eu certamente tenho o péssimo vício de colecionar, então sem dúvida em uma busca na minha coleção você vai encontrar alguns Tomicas, PlayArts, Siku, Matchbox e outras marcas.




Um protótipo interessante que você tem na sua coleção é o Hot Wheels movido a gasolina. Por que ele deu errado?

O empregado da Mattel que me vendeu esse protótipo me contou a história. Um dia, o departamento de pesquisa e desenvolvimento chegou à conclusão que poderia fazer um Hot Wheels com motor a gasolina, para competir com os brinquedos movidos a gasolina que a Cox fazia. Então um funcionário chamado Les Storman fez este carrinho movido a gasolina, e correu com ele no chão da fábrica. Supostamente ele era estupidamente rápido, super barulhento, e cheirava muito a gasolina! As regras da Mattel para segurança das crianças e os custos envolvidos para fabricá-lo acabaram com o projeto.




Eu sei que se você quer comprar um protótipo, você precisa de mais do que dinheiro para ter um. O que você precisa ter para conseguir um? Você tem muitos contatos na Mattel para achá-los? Você tem algum protótipo mais recente?

Anos atrás eu conversei com um ex-funcionário, e ele mencionou que tinha a agenda de telefone da Mattel de 1969, e me perguntou se eu estava interessado nela. Hummm… Aquilo não demorou para ter uma resposta. E então toda noite, após o jantar eu usava a internet e rastreava esses ex-funcionários. Depois de 6 anos eu conversei com cerca de 400 ex-empregados, e cerca de 40 deles me venderam seus carros que ainda tinham. Dessas 40 coleções, algo em torno de dois terços tinham protótipos inclusos.


Eu gosto só dos protótipos mais antigos, e não coleciono modelos recentes, a não ser que seja um dos meus modelos favoritos. O Custom Otto se encaixa nesta categoria.



Você tem algum modelo favorito? Por que é tão excitante para você colecionar protótipos?

Os meus favoritos são os Overchrome. Eles são tão bonitos, e se parecem com enfeites natalinos.


Os protótipos são tão excitantes de colecionar porque são difíceis de se achar, e cada um tem uma história e há uma história para cada um deles. E muitas vezes, um sentimento de mistério do por quê ele foi feito.




Existem alguns modelos que você quer, mas ainda não tem? O que te dá mais prazer: ter uma raridade, ou o trabalho todo para conseguir uma?

O trabalho é a parte divertida, e colocar ele em uma caixa de acrílico é como pendurar um troféu na parede.


Eu ainda continuo procurando por carros Overchrome. Eu sei que devem existir mais, mas aonde estão eles?



Eu vi que alguns itens da sua coleção estão à venda no site thetoypeddler.com, incluindo a Rear Loader Beach Bomb. Existem muitas pessoas interessadas em pagar tanto por essas peças de coleção? Como você define valores para esses ítens?

O valor é muito mais difícil de determinar para protótipos porque muito poucas vendas acontecem. Vários colecionadores sempre querem o mais raro ou o mais valioso para virem um dia para a sua coleção, e tipicamente um protótipo vai ser o mais caro. Várias vendas ocorrem frequentemente e não recebem muita publicidade.


Uma vez eu coloquei à venda no Toy Peddler uma Rear Loader roxa por $35.000 quando o recorde anterior de venda foi apenas de $20.000 para essa cor. Mas 3 meses mais tarde ela foi vendida!



Quantas e quais Rear Loader Beach Bombs você tem?

Eu tenho três:

- A original e rara Rear Loader Beach Bomb rosa.

- Uma que está montada, mas sem o interior e sem tinta.

- Uma com duas camadas de tinta roxa sem o interior.



Aonde você guarda a Beach Bomb?

Todas as Rear Loader são guardadas em um cofre, que é a melhor maneira de dormir tranquilo!



Você tem alguma dica para aquele colecionador que está começando agora sua coleção?

Compre o melhor: com a melhor condição, os melhores carros e o que você gostar. Você não pode se enganar. Mas o mais importante: conheça outros colecionadores. Alguns dos meus melhores amigos vieram deste hobby. E certamente tivemos ótimos momentos juntos.


Foi um prazer responder suas questões, e eu espero viajar para o Brasil em breve!