Coleciona

Destaques:

domingo, 30 de abril de 2017

Os carros da Bandai!

Mais uma grande história contada pelo nosso amigo Mauricio Nunes! Clique aqui e veja todas as postagens do Mauricio sobre a história do nosso hobby.

A Bandai foi fundada em 1950 no Japão e até os anos 60 permaneceu uma empresa local, mas em 1960 com o “boom” das exportações japonesas a Bandai também se expandiu e alcançou o mercado externo. Em 1978 as exportações fortes, principalmente para os EUA, justificaram a fundação da subsidiária americana Bandai America Inc. 

Licenciada de muitas marcas famosas como: Ultraman, Super Robot, Kamen Rider, Super Sentai, Astro Boy, Ben 10, Dick Tracy, Dinozaurs, Digimon, Dragon Ball, Dragon Ball Z, Godzilla, Sailor Moon, Miraculous: Tales of Ladybug and Cat Noir, Sega Pico, Tamagotchi, Teen Titans, Thundercats  e Power Rangers para citar algumas delas.  A Bandai produz todo tipo de brinquedos dessas licenças de bonecos a miniaturas de metal. Atua também em publicação de revistas “anime” e mais recentemente após fusão com a Namco, foi formada a controladora Namco-Bandai (maio de 2005) e a Bandai passou também a distribuir jogos eletrônicos para todo tipo de consoles.

O início da Bandai em automóveis de brinquedo foi com os famosos “carros de lata”, tanto a pilha como de fricção.

As miniaturas de metal em escala da Bandai, não são muitas, mas trabalham com escala 1:43 e 1:64/1:60. 

Uma das séries bem conhecidas é a série de veículos de aeroporto em escala 1:64, onde a Bandai tinha os veículos em separado de várias companhias aéreas ou o “kit” completo com o avião. 

A Bandai tem uma linha mais moderna de miniaturas pequenas, em escala 1:60 denominada Bandai Pocket e o foco dessa linha são os carros de serviço.

Algumas escalas um pouco maiores como escala de quatro e meio polegadas dos ônibus lançados pela Bandai ainda são encontradas para venda.

Desde o lançamento dos filmes de TV originais da franquia “Transformers” que a Bandai lança modelos dessa sua licença com muito sucesso. Os modelos mais antigos dessa série ainda têm partes de metal, mas os mais modernos, inspirados na série original, da nova série “Morphing Minicars” já são todos em plástico. 

Em 1999 a Mattel e a Bandai fizeram um acordo de uma aliança global de marketing e dentre esses acordos, surgiram os Hot Wheels-Bandai. Nessa série, tanto há os modelos tradicionais da Hot Wheels vendidos em todo o mundo como modelos específicos japoneses, somente produzidos pela Hot Wheels-Bandai.

Apesar das cartelas muito poluídas para o gosto ocidental, as miniaturas Hot Wheels-Bandai Charawheels (produção entre 2001 e 2004) vendem muito bem no Japão e no oriente de um modo geral, sempre com foco em miniaturas de filmes e TV populares no Japão, japoneses ou não. A série de TV de bonecos animados “Thunderbirds” rodou todo o mundo.  

Já o japonês “Lupin the third” também conhecido como Lupin terceiro, é uma série de mangá, escrita e ilustrada por Kazuhiko Kato sob o pseudônimo de '"Monkey Punch". A história segue as aventuras de um grupo de ladrões liderados por Arsène Lupin III, neto de Arsène Lupin, o ladrão cavalheiro da série de romances de Maurice Leblanc. Lupin e seu grupo fazem viagens em todo o mundo para roubar tesouros sempre escapando da lei. Baseado nesse mangá a Bandai produziu três belas miniaturas.

Os Charawheels lançados foram 60 modelos em cartelas simples (apenas uma cartela dupla). Alguns como modelos especiais de colecionador.

Como se tratam de modelos de filmes e séries que fizeram sucesso no Japão, existem uma grande quantidade de motocicletas na série Charawheels, pois aparentemente, no Japão, essas motos são bem apreciadas. Quarenta e três por cento dos modelos na série são motocicletas (26/60).

Alguns modelos são os mesmos lançados no resto do mundo (10%), como os modelos DeLorean das séries Retro da Hot Wheels dos filmes da franquia “de volta para o futuro”, mas a maior parte é de modelos exclusivos japoneses (90%). 

Além das miniaturas em blister, a Bandai tem também uma série mais nova. Essa série Charawheels Ultimate Edition (CWUE) é composta de caixas estojos onde são vendidas mais de uma miniatura em conjunto. 

A maior parte dos modelos CWUE, como o Taxi Peugeot do filme Taxi 3, e os modelos do filme de animação “Thunderbirds” são produções exclusivas da Bandai.



Mas a série CWUE também tem modelos já lançados em blister em uma espécie de coletânea como a “The Glory of Rider Machine”

Os modelos Batman da CWUE Bandai são os dos moldes da Hot Wheels, mas o “set” é de grande procura e sucesso de vendas no Japão.

Outro produto de sucesso da Bandai são os modelos em resina do antigo desenho animado da TV “Corrida Maluca” (Wacky Races).

A hoje Namco-Bandai é a segunda maior empresa de brinquedos do mundo, ficando atrás somente da Mattel pelos dados da indústria mundial de brinquedos de 2015. Uma gigante regional, com participação expressiva no mercado mundial. Uma empresa pragmática que soube entender a mudança no mundo dos brinquedos e se fundiu a Namco outra gigante dos jogos eletrônicos e que não teme a concorrência pois se aliou a Mattel para produção e venda de Hot Wheels no oriente. A Namco-Bandai tem tudo para chegar no topo do mercado mundial de brinquedos.

Referências


4 comentários:

  1. Se lançarem miniaturas hotwheels da corrida maluca aqui no Brasil, acho que venderia como água.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela pesquisa!
    Aliás, por todas!

    ResponderExcluir
  3. Maurício Nunes. Muito obrigado por todas as matérias. GRATO

    ResponderExcluir
  4. Maurício Nunes. Muito obrigado por todas as matérias. GRATO

    ResponderExcluir