Coleciona

Destaques:

domingo, 9 de agosto de 2015

Novas Ferraris da Maisto com controle remoto

Desde que a Maisto/Bburago conseguiu o licenciamento exclusivo da Ferrari, eles tem lançado vários produtos para seduzir os amantes da marca italiana. Eles não tem conseguido muito, mas no vídeo abaixo você pode ver mais uma tentativa, com carros na escala 1:14 e com controle remoto. Será que eles conseguirão mais fãs agora para suas réplicas?

Neste link tem um vídeo com carros de F1 da Maisto com controle remoto.

8 comentários:

  1. No vídeo é lindo mais ai vem 2 pontos:
    Primeiro: Acho que só criança que gosta de carrinho de controle remoto então eles devem estar querendo é agradar as crianças e não os adultos que realmente gostam e colecionavam Ferrari como eu ( pelo menos até agora digo colecionavam por que as da HW eram bem melhores na 1:64 que é a escala que eu coleciono )
    Segundo: Quanto vai custar ? E por mim se for mais de 80, 90 reais eu acho que não vai vender, até por que carrinho de controle remoto não deve interessar ninguém a menos que você seja maníaco por Ferrari !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já ficava doidão brincando com os HW aqui no condomínio imaginando algo como NFS + GTA, agora imagina como não ficaria fazendo um "cosplay" com minis tunadas (ou não) de controle remoto em circuitos montados como nuns vídeos que até já apareceram por aqui *-*

      Acho que pode vender sim se ficar legal...

      Excluir
    2. Concordo com você vendo por esse lado, mais mesmo assim não sei não, todos falavam que a HW só fazia cagada com as Ferraris no sentido de não caprichar nos faróis e etc. agora vem a Maisto que tá fazendo pior ainda e muito mais caro que os HW, me perdoem mais para mim isso é ser do contra, quando o negócio tá até aceitável ( os HW ) ai reclamam e quando muda de mãos e vai para Maisto ficar pior, fala sério gente !

      Excluir
  2. Se antes eu já não colecionava Maisto, agora que eles acabaram com as Ferraris da Kyosho é que eu não compro mesmo. Pelo menos a Mattel se ligava que as Ferraris da Kyosho e as da Hot Wheels eram voltadas pra públicos diferentes e não comiam vendas umas das outras.

    ResponderExcluir
  3. Se antes eu já não colecionava Maisto, agora que eles acabaram com as Ferraris da Kyosho é que eu não compro mesmo. Pelo menos a Mattel se ligava que as Ferraris da Kyosho e as da Hot Wheels eram voltadas pra públicos diferentes e não comiam vendas umas das outras.

    ResponderExcluir
  4. A Ferrari deu um passo para trás na minha opinião! Deixar de lado o público que mais consome produtos da marca (adulto) e voltar-se ao infantil...E por outro lado, a Mattel, que não fez questão nenhuma de renovar o licenciamento com a Ferrari, isso foi um suicídio financeiro com certeza! Reclamávamos que a Mattel nunca foi caprichosa com as minis, mais a Maisto... Sem comentários! Só me vem à cabeça uma velha frase: "Nada está tão ruim que não possa piorar".

    ResponderExcluir
  5. Nossa, sério isso? Tanta marca top por aí e ainda tem gente que se preocupa com a Ferrari?

    Só vejo isso como ponto negativo pra Mattel porque ainda poderia tirar proveito dos paga-paus de Ferrari, mas de resto é totalmente positivo pra mim, assim pode finalmente aparecer alguns carros de verdade na HW e principalmente dar o destaque que marcas como a Lamborghini merecem.

    ResponderExcluir
  6. Pô Gabriel, Ferrari é provavelmente a masca mais icônica de carros esportivos. Gostos à parte, isso é fato. Logo, não dá para desprezar a cagada da HW e da prórpia Ferrari, muito menos classificar quem gosta das Ferrari de "paga-pau", porque ser apaiixonado por Ferraris é default para 99% dos amantes de esportivos. Não desmerecendo sua opnião (você pode não ligar pra elas, cada um é cada um), mas discordando profundamente do grau com que foi colocada.

    ResponderExcluir