Coleciona

Destaques:

domingo, 2 de outubro de 2016

A história da Yat Ming

A Yat Ming é uma daquelas marcas que deixou saudade para todos os que a conheceram, e hoje você aprenderá sobre a história da marca através do texto do nosso amigo Mauricio Nunes! Clique aqui e veja todas as postagens do Mauricio sobre a história do nosso hobby.

Baseada em Hong Kong, anteriormente denominada Yatming, foi fundada em 1970 por Wai Ming Lam. Yat em chinês significa, “o melhor” ou “número 1” e o Ming veio do nome do fundador.

No início dos anos 70 a Yat Ming já tinha iniciado a venda nos EUA de sua linha 1:64, utilizando-se de várias de suas marcas fantasias, como: Show Rods, Road Signature, Shyne Rods, Fastwheel etc.

A história da Yat Ming é semelhante à de outros fabricantes chineses de miniatura que competia com Matchbox, Majorette e outros fabricantes europeus apenas por preço.

No início dos anos 90 a empresa mudou sua atuação no mercado e iniciou venda nas escalas maiores: 1:43, 1:24 e 1:18 firmando-se como um produtor de qualidade nessas escalas, sem, no entanto, abandonar a produção e venda de modelos na escala 1:64.


Além de veículos, a Yat Ming também produzia aviões em metal para coleção.

Os modelos 1:64 iniciaram na série 1000. Essa série era a série mais simples dos modelos 1:64, todos com corpo de metal e base que poderia ser de metal ou plástico, geralmente cromado. Na base se pode ver o número da miniatura na série 1000.

Dentro dos modelos 1:64 o colecionador brasileiro deve se lembrar das picapes que foram vendidas aqui por volta de 2005/2007. Eram modelos das séries Road Signature e Shyne Rodz. Os mesmos modelos saíram em ambas as séries sendo que os modelos de época saíram na série Road Signature e os mesmos modelos “tunados” saíram na série Shyne Rodz. 

São modelos sempre muito bem acabados, com todos os detalhes pintados, com o capô abrindo deixando ver o motor. Pneus de borracha e rodas tradicionais nos modelos Road Signature e de liga leve nos Shyne Rodz.

As miniaturas “tunadas” tem o motor modificado, além de ter sido retirado o para choque tradicional e foram pintados em cores modernas metalizadas. 

As miniaturas Shyne Rodz têm também “Hot Rods”, sempre com pinturas características e todos os detalhes realçados, pneus de borracha e motor sempre visível.

Nas séries tradicionais como as Road Signature as miniaturas seguem padrão real apresentando cores oficiais dos modelos, pneus de borracha e partes móveis.

Dentro da Road Signature tem uma série de Mustangs Shelby, bastante interessante onde temos inclusive um modelo Eleanor, não muito comum de ser achado nessa escala.

Infelizmente, em julho de 2013, conforme noticiado neste blog, a Yat Ming não suportou mais uma crise mundial aliada ao novo perfil da indústria de brinquedos, mais apoiada em jogos eletrônicos e sucumbiu. Fechou suas portas e é mais uma que deixa saudades, principalmente aos colecionadores de miniaturas de escalas maiores.

Na escala 1:64 as picapes Yat Ming são miniaturas quase que obrigatórias para qualquer colecionador que tenha picapes em seu foco de coleção.

Referências:

4 comentários:

  1. Que maravilha aquele Lincoln Continental MKII 1956 em 1:64. Poderia ser relançado por outra marca.
    Parabéns pela matéria.

    ResponderExcluir
  2. Tive sorte na epoca de ter comprado todos os modelos das Pick Ups Shyne Rodz e depois consegui alguns modelos da Road Signature mas ficaram faltando dessa serie a Ford F-1 e a F-100, todos modelos são fantásticos.

    ResponderExcluir
  3. Tenho 3 modelos Yat Ming, na escala 1/43. O detalhamento dos carros é muito legal.
    Lamento o encerramento das atividades desse fabricante.

    ResponderExcluir
  4. Tenho vários Yatming, mas a que realmente gosto e' uma Chevy Blazer, que por sinal abria as portas e chegavam a ser mais perfeitos que os HotWheels. Devemos lembrar que as miniaturas eram vastas e arrependo amargamente de não ter comprado uma Chevy Blazer preta e um chevy chevette americano. Fico triste desta marca encerrar as atividades.

    ResponderExcluir