Escala

Destaques:

terça-feira, 19 de julho de 2011

As minis mais perfeitas do mundo na Coleciona!

Pare de pensar por um instante em Hot Wheels, Matchbox, Greenlight, M2, e tudo o que você conhece na escala 1:64.

Claro que essas marcas são legais, e nós amamos colecioná-las, mas existe um outro mundo de miniaturas que nem todo mundo conhece. São as miniaturas na escala 1:18.

Algumas marcas bem conhecidas tem modelos nessa escala, como a própria Hot Wheels, a Greenlight, Maisto, AutoArt, etc. São miniaturas mais caras, mas ainda acessíveis, e com um ótimo acabamento e perfeição. Mas quando falamos em fabricantes como GMP, CMC, SunStar e outras, a conversa muda.

Veja abaixo essas fotos que o T-Hunted tirou hoje na loja Coleciona aqui em São Paulo. São modelos inacreditáveis de algumas das marcas mais profissionais do mundo.

Infelizmente as fotos não traduzem tudo o que essas miniaturas tem de perfeição. Pra você ter uma idéia, elas vem com ferramentas específicas para abrir partes do carro e tirar as rodas por exemplo. Todos os compartimentos se abrem, com réplicas dos mecanismos originais: no caso das Kombis das fotos, pra abrir as portas você precisa girar a maçaneta para baixo, como no carro original. Motor, painel, estofados e cada detalhe são reproduções fiéis do original, com uma perfeição incrível.

Cada miniatura é feita de metal (óbviamente) e com vários outros materiais que simulam o modelo real (couro no volante e estofados, carpete no assoalho, etc). O peso de cada uma dessas miniatura mostra que o fabricante não está de brincadeira.

Vá até a loja Coleciona, e conheça essas marcas incríveis e limitadíssimas!

7 comentários:

  1. Vilister Bartik
    Esta Mercedes é uma maravilha!!! Tanto a miniatura quanto a original, que foi mandada destruir... Que dó!

    ResponderExcluir
  2. Vilister Bartik
    Digo, a Mercedes transportadora!!!

    ResponderExcluir
  3. douglas a escala das kombis são 1:12, ok e são os meus sonhos de consumo, a woodstock vi neste final de semana aqui na EXPOCLASSIC em NH RS, por 890 reais, acompanham caixas de som e instrumentos musicais, será uma peça xodó de minha coleção!

    ResponderExcluir
  4. Vilister Bartik
    Quem quiser conhecer um pouco sobre o curioso caminhão transportador azul da Mercedes, entre neste site:
    http://bestcars.uol.com.br/ph2/189a.htm

    ResponderExcluir
  5. eu quero todos... cara, são lindas..

    ResponderExcluir
  6. Olá Douglas... lindo de ver horrivel para colecionar.
    Explico: Materiais como couro e borracha se degradam com o tempo. Para que isso não ocorra é preciso certos cuidados que é o que fazemos no carro real que levam tais materiais. E ainda assim...se desfazem. A borracha...se desintegra. Suas propriedades preservam-se por algo em torno de 5 anos. No caso de peças para modelismo, em que não terão (a priincipio) qualidades mecanicas (há quem compre minis 1:18 espetaculares e de para criança brincar no chão) a borracha leva componentes vinílicos para garantir estabilidade (nem sempre com resultados) e isso quando é produzida por 'alguem' idôneo que não aproveite o insumo do estoque que utiliza para produzir mangueiras ou guardições por exemplo para produzir tais pneuzinhos. A propria pintura se não houver manutenção sofre com desgaste, seja pela poeira acumulada, produtos inadequados para limpeza e/ou problemas com o metal (tão cobiçado)da carroceria. Há pouco tempo (coisa entre um e dois anos atras) uma certa marca teve problemas sérios com isso em que a pintura empipocava todinha até seu desprendimento total...e não adianta repintar que não pega...não há como isolar a liga que foi usada. Tenho um exemplar de um karman guia 1:18 com esse problema...e algo que é bem caro. Para um cliente, tive que copiar a tampa da mala em resina e por no lugar do original em metal. Ficou perfeito. Ah..é frágil? mas quem disse que miniatura foi feita para abrir e fechar até quebrar?

    Certa vez fiz um par de cinto de couro par um bentley da heller...ficou demais!...até apodrecer e partir. Imagine um banco em tecido!...seria preciso uma mini maquina de lavar tecido ou então, mandar lavar na mesma lavanderia que lavam roupas do falcon e da barbie.

    Com anos a fio de miniaturismo, tendo testado inumeras 'midias' de reprodução de detalhes, uma coisa eu aprendi: em miniatura é preciso o bom senso. Se passar dessa tenue faixa da normalidade vira patologia... neurose... obsessão... compulsividade... que leva ao adoecimento.

    ResponderExcluir