Coleciona

Destaques:

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Quem produziu a melhor réplica do Ford GT?

Se você se perguntar qual carro foi produzido pela maioria dos fabricantes de miniaturas, o Ford GT será uma das respostas. Mas qual dessas réplicas é a melhor? Pra responder esta difícil pergunta, chamamos o nosso amigo Mauricio Nunes para esclarecer este grande dilema!

A história desses maravilhosos modelos começa no início da década de 60, quando a Ford, querendo vencer as 24 horas de Le Mans e assim entrar no mercado de carros esportivos dominados pelos fabricantes europeus, tentou adquirir a Ferrari. As negociações foram concluídas e Enzo Ferrari havia aceitado a oferta feita pela Ford. Entretanto, a diretoria da FIAT ficou sabendo que a Ferrari passaria para as mãos de uma empresa americana, e decidiram intervir alegando que a marca Ferrari era patrimônio italiano e assim deveria permanecer. A transação com a Ford foi interrompida e a FIAT assumiu o controle acionário da Ferrari.

Após esse fracasso nas negociações, a própria Ford, liderada por Henry Ford II, resolve criar um carro para vencer a competição. A tentativa inicial era baseada no Lola Mk VI, um carro avançado para a época, mas suas primeiras versões foram desastrosas. O carro foi então redesenhado por Caroll Shelby, e não podendo ultrapassar a altura máxima de 40 polegadas (1,00 m) surge o Ford GT40. Nas 24 Horas de Le Mans de 1966, os GT40 chegaram em primeiro, em segundo e em terceiro lugares. Esse feito memorável tornou o GT40 uma lenda automobilística por acabar com a hegemonia “Ferrarista”. 

Foi quatro vezes vencedor das 24 Horas de Le Mans, entre 1966 e 1969. Foi também, a primeira empresa americana a vencer a corrida de forma invicta, pois venceu todas as vezes em que participou. 

Foi criado em 1960 e em 1969 parou de ser produzido. O modelo original está avaliado em mais de 8 milhões de dólares.

Quarenta anos depois, a Ford tem a ideia de fazer uma homenagem a ele, e assim nasce o Ford GT para homenagear o Ford GT40.

A carroceria do Ford GT foi feita em túnel de vento para garantir sua fidelidade com o GT40. Depois foram adicionados acessórios modernos, como: farol de xenônio, tanque com sensores de combustível entre vários outros acessórios.

A versão LM é para corridas na classe LM GTE Pro Class.

Agora, vamos comparar algumas das miniaturas que existem no mercado dessas duas maravilhas automobilísticas.

Hot Wheels Ford GT40 Mk I
Escala de 1:58, com rodas genéricas, pinturas diversas, alguns com o farol da frente pintado. Sem pintura nas lanternas traseiras (Treasure Hunt, Mainline ou Garage) e com motor de plástico interno. Escapamento de metal somente no Garage, nos outros são de plástico.

Matchbox Ford GT40 Mk I

• Superfast Mattel, escala de 1:57, com rodas genéricas, pintura genérica, com o farol da frente e lanternas traseiras pintados e com motor de plástico interno. Escapamento de plástico.

• Lesney Regular Wheels, escala 1:64, roda genérica, pintura branca de corrida sem pintura de faróis e lanternas e com motor de metal interno. Escapamento de metal.

• Lesney Superfast Transitional, escala 1:64, roda genérica, pintura branca de corrida sem pintura de faróis e lanternas e com motor de metal interno. Escapamento de metal.

• Lesney Superfast, escala 1:64, roda genérica, pintura cobre genérica, sem pintura de faróis e lanternas e com motor de metal interno. Escapamento de metal. Para-lamas cortados para caber a roda Superfast.

Kyosho Ford GT40 Mk I
Escala de 1:64, com rodas e pintura de corrida, com os faróis da frente e lanternas de lente e com motor de plástico interno. Escapamento de metal.

Kyosho Ford GT40 Mk II
Escala de 1:64, com rodas e pintura de corrida, com os faróis da frente de lente e lanternas traseiras pintadas e com motor de plástico interno. Escapamento de plástico pintado.

Auto World Ford GT40 Mk I
Escala de 1:64, com rodas e pintura de corrida, com os faróis da frente de lente e lanternas traseiras pintadas e com motor de metal interno. Escapamento de plástico pintado.

Johnny Lightning Ford GT
Escala de 1:57, com rodas e pintura reais, com os faróis da frente e lanternas traseiras pintadas e com motor de metal interno. Escapamento de plástico.

Auto Art Ford GT
Escala de 1:64, com rodas e pintura reais, com os faróis da frente e lanternas traseiras de lente e com motor e escapamento de plástico. 

Hot Wheels Ford GT LM
Escala de 1:58, com rodas genéricas, pinturas diversas, com o farol da frente pintado. Sem pintura nas lanternas traseiras (Mainline) e com motor de plástico interno. Escapamento de plástico. Speed Machines com as lanternas traseiras pintadas.

Interessante comentar sobre o modelo de 2016 onde o aerofólio traseiro é de metal preso ao corpo da miniatura. Essa modificação tornou o modelo mais homogêneo, mas por razões de estrutura o novo aerofólio de metal ficou mais alto e os suportes são mais grossos o que tirou um pouco da proporcionalidade da peça no modelo.

Dentre tantos outros fabricantes, mostramos agora modelos em escala 1:72 de um fabricante Chinês não identificado. As miniaturas foram feitas para comemoração de 100 anos da Ford feitas para o café “Wonda”. 

Os “Wonda” são muito bem acabados, com pneus de borracha, pintura de corrida, faróis dianteiros de lente. Interessante é que um dos modelos é um Mk IV, um modelo difícil de ser vistos em outros fabricantes de escalas menores.

O que não faltam são modelos de GT40 e GT para deleite dos colecionadores desses modelos excepcionais. Todos têm suas peculiaridades, mas é difícil comparar os Hot Wheels e Matchbox com os Kyosho e Auto Art. Os Auto World e Johnny Lightning estariam em uma faixa intermediária entre os modelos mais básicos de Hot Wheels e Matchbox e os “tops” de linha da Auto Art e Kyosho. As faixas de preço de cada modelo por si só já demonstram que nível de detalhe cada um vai ter. Na faixa superior com preço de loja entre 12 e 15 dólares americanos, estão os “tops” de linha. Na faixa dos básicos, o preço de loja é de 1 dólar por modelo. Na faixa intermediária temos preços entre 6 e 8 dólares.

E você leitor, já decidiu quais são os melhores de cada faixa? Dê sua opinião!

Agradecimentos:
Grato aos colecionadores Paulo Vieira (Big Bond) pelos modelos Kyosho e ao colecionador Derci Reiche pelos modelos Hot Wheels Mainline (GT40 e GT LM) e “Wonda” emprestados para as comparações nesse artigo.

Referências:


6 comentários:

  1. Como sempre a da merdel são as piores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkk. de acordo. Sem querer defender a Mattel, mas precisamos lembrar sempre que são BRINQUEDOS de 1 dólar, os outros são colecionáveis de preço superior!

      Excluir
  2. Como sempre o conhecimento do nosso amigo "Carioca" Maurício Nunes dando uma aula... se me permitirem enviarei umas fotografias do GT 40 da Exoto mas neste caso será uma outra escala (1/18) e faixa de preços.

    ResponderExcluir
  3. Caramba uma materia toda dedicada a ele... SENSACIONAL!!! NOTA 1000 pro T-Hunted!!!

    ResponderExcluir
  4. Muito boa a matéria! Quando possível deveria ter mais deste mesmo estilo.
    Todas as miniaturas são boas. Todas! Pois Mattel como bem lembrado pelo Mauricio custa 1 dólar.
    O GT40 MKIV merecia uma versão em 1:64.
    Assim com a Lola poderia liberar seus direitos para produção de minis 1:64. O Lola MK VI, T292, T70 Spyder também seriam belas miniaturas.
    Parabéns T-Hunted.

    ResponderExcluir
  5. Excelente, como só tenho deles da hw e mbx, e 1 JL, gosto mais dos mbx, dos quais tenho alguns do GT, GT 40 só hw mesmo!

    ResponderExcluir